segunda-feira, julho 18, 2005

E a semana passada foi assim.....

Olá Pessoas,

O que acontece quando uma pessoa passa o dia inteiro dentro de casa apenas dormindo, vendo TV e mexendo no computador?? Sei lá, mas eu acho que estou pirando, ehehehe. Antes que isso ocorra deixa eu contar um pouco como está sendo minhas férias. Vou falar um pouco sobre a semana passada.

Domingo – 10/07/2005

Acordei na hora do almoço e fui para o Serra fazer Goiás X Santos. Fiz reportagem do Santos e, mais uma vez, o time que fiz reportagem venceu. Mas foi um jogo MUITO bom. Aquele segundo gol do Santos, que o Gaúcho deu uma voadora e, mesmo assim, não conseguiu evitar o gol, foi coisa de cinema. Depois do jogo Scacha, Adriano e Eu fomos no Bar do Tchê tomar uma. E ver o Vasco perder para o Internacional. Tava um frio do outro mundo aquele dia.

Segunda – Feira – 11/07/2005

Fui com a minha mãe comprar leite no Extra. Estava numa super oferta. O detalhe é que só podia levar uma caixa por pessoa. É impressionante ver, nestas horas, como funciona o jeitinho brasileiro. As pessoas passam várias e várias vezes pelo caixa a fim de poder levar a maior quantidade de leite possível. E eu com minha mãe, é claro, também usamos deste artifício. Eu não concordo com essa limitação de compra. Eu acho que, já que estamos no mundo capitalismo-selvagem, e sofremos com os problemas deste sistema, devemos, pelo menos, poder desfrutar das coisas boas que ele traz, como a liberdade de consumo. Desta forma fizemos o trajeto três vezes, mas na última eu já tava querendo ir embora daquele lugar, ehehehe. À noite fomos Eu, Rodrigo, Fellipe, Lorena e Erika comprar o presente do baiano lá no Flamboyant. Eu vi a quinta temporada do Simpsons a venda e fiquei com uma vontade enorme de comprar. Deixei ela na prateleira. Mas sabia que seria por pouco tempo.

Terça – Feira - 12/07/2005

Hebert´s Birthday. Acordei, na hora do almoço, como sempre, e fui com a Ana Carol comprar as bebidas e o que faltava para o jantar daquela noite. Fomos lá no Marcos Serrinha. Compramos dois vinhos italianos e um nacional, baratim, ehehehehe. Saímos de lá e passamos na Jaime Câmara. Fui pegar um livro com o Renato, e a Ana foi deixar uns livros com o primo dela(que depois fui saber era o Jaime Câmera Júnior, mas enfim....). Aproveitamos e fomos visitar a Gabriela Louredo no “Raddar”(êê furona.... ehehehehe), e depois fomos falar com o sonolento Rodrigo Alves lá no “O Popular”. Fomos à casa do baiano deixar as coisas e voltei para a minha casa. Tentei estudar um pouco para o Seminário de Jornal Impresso II, que ia ocorrer no outro dia, mas acabei deixando para depois da festa, como sempre. Fui para a casa do baiano de novo. O jantar foi pra lá de bom. A Ana Carol cozinha muito bem. O vinho italiano estava bom por demais. Acho que aprendi a tomar vinho, ehehehehe. Foi muita gente prestigiar o Hebert. Ficamos revezando lá no computador para ver quem seria o melhor DJ(eu, é claro, venci de lavada, ehehe). Daí suspendemos o concurso quando o Renato foi tentar assumir o cargo(o gosto musical dele não é lá aquelas coisas, cá entre nós.... ehehehehe. Ficamos até às 03:00 da manhã. Cheguei em casa e fui estudar para o seminário ainda. Li metade do que tinha que ler. Deixei o resto para depois.

Quarta – Feira - 13/07/2005

Duas coisas me surpreenderam na manhã de quarta. A primeira: Eu estava com vontade de pegar ônibus. Bem não era uma vontaaaadeeee, mas devia ser porque fazia algum tempo que isso não ocorria. A segunda: Achei uma vantagem em se pegar um ônibus. Como eu tinha que estudar o resto do capítulo do seminário, então não dava para mim ir de carro, já que no ônibus eu poderia investir minha atenção aos estudos. Chegamos lá na pamonharia(isso mesmo, a Rakell marcou a aula para o buteco) e apresentamos o livro. Ainda bem que fui o primeiro. Quando passei a bola para o Baiano minha barriga começou a questionar o porquê que eu tinha comido tanta Lasanha no dia anterior. Saí correndo pro Campus, e o pior, o banheiro do ICB estava lavando tive que ir até o IESA. Mas compensou a corrida, ehehehehe. Depois da “aula” a Rakell pagou uma coca para a gente e fomos embora(eu de carona, Brigado Rodrigo!! :) ehehehehe). Depois disso a minha maior companhia foi a cama. Acho que fui picado pelo Tsé-Tsé, ehehehe. Dormi a tarde inteira, acordei, comi e dormi a noite inteira.

Quinta – Feira - 14/07/2005

Até que enfim o dia tinha chegado. E foi um dia especial. Por duas coisas. Uma: minha carteira de motorista vencia naquele dia e eu, enfim, poderia ir encomendar a definitiva. Outra: O São Paulo ia disputar a finalíssima da Libertores, a noite, com boas chances de ganhar. Fui até o Araguaia Shopping, lá no Vapt-Vupt, mas me informaram que eu ia ter que esperar mais um dia para renovar minha habilitação. Então aproveitei que estava lá e fui no cinema. Queria ver “Batman”, mas o mais próximo do horário era “Guerra dos Mundos”, então foi esse mesmo. Assistir filmes com amigos é muito bom, mas assistir sozinho é algo diferente. Sei lá. Parece que a gente entra mais no filme. Eu assisti na terceira fileira, mas acabei me arrependendo depois, pois meu deu uma baita dor de cabeça. O filme é mais ou menos. Gostei muito da forma de narrativa, achei que foi o diferencial. Mas a história já é muito batida, me lembrou bastante Independence Day, no início. É claro que “Guerra dos Mundos” é bem superior a este outro que apela para o patriotismo exacerbado do estadunidense. Cheguei em casa e fui para a concentração do jogo. Tinha uma garrafa de Mioranza, e foi aí que realmente descobri que tinha aprendido a tomar vinho. Já não apreciava mais um vinho de R$5, ehehehehe. Eu e meu pai acabamos com a garrafa durante o jogo. Mais eu do que ele, mas ele me ajudou. Acho que nem preciso falar mais nada sobre o jogo. Só uma coisa: Fellipe, eu torço para os dois sim, ehehehehe.

Sexta – Feira - 15/07/2005

Fui, novamente, ao Araguaia Shopping, renovar a minha carteira. Desta vez deu certo. Nossa, nem acredito que minha foto vai trocar. E a nova ficou boa, a mulher me mostrou lá na hora. Mas o que gostei mesmo foi o atendimento lá do Vapt-Vupt. Não podemos deixar de reconhecer que foi um ponto positivo do governo Marconi. O que me deu raiva foi quando eu fui pagar e a mulher do Itaú falou: “Não aceitamos cheque de outro banco”. Lá foi eu ir num caixa eletrônico sacar o dinheiro e voltar pra lá. Mas acabou tudo certo, graças a DEUS. Depois fui à rádio fazer a programação musical do Banquete. Acabou que não deu para ir no aniversário da Gabi Canseco, lá no Café Cancun. Mas dei uma passada mais cedo no Flamboyant para depositar um cheque. Nossa, me senti o kra mais solitário de todo o mundo, sexta à noite, no shopping e sozinho. Encontrei o Fernando Prado e a Gabriela Dutra lá. Eles quiseram que quiseram que eu os acompanhasse para assistir Batman, mas não estava com vontade. Fui até a Saraiva e não teve jeito – meu lado consumista falou mais alto e eu levei para a casa a 5ª. Temporada de “Os Simpsons”. MUITO boa, para falar a verdade. Só não foi melhor por causa do preço que acabou com minha conta bancária. Mas..... Ainda fiquei quase até fechar o shopping lendo um livro de alto-ajuda(tavendo!!, estes passeios sozinhos dá nisso). Gostei demais. Acho que vou até comprá-lo, claro, quando tiver dinheiro. Um ovomaltine e casa. Fiquei assistindo a minha nova aquisição até dormir.

Sábado - 16/07/2005

Todo sábado eu sempre acordava atrasado para o Banquete Esportivo(que é de manhã), mas este quase acordei atrasado para os Doutores(que é a tarde). Trabalhei na rádio. Ainda bem, já que o Goiás perdeu feio. Ficamos eu e o Gabriel Lisita fazendo o plantão. Depois, a noite, fui, com a Erika e a Ana Carol, até a casa do baiano assistir filmes. Eles, os três, foram loucos de pegar cinco filmes, ehehehehe. E eu fui louco por comprar sorvete e chocolate. Mas foi tudo de bom. Principalmente pelo cachorro-quente que a Ana preparou. Muito bom mesmo. Assistimos três filmes, não me lembro os nomes. Ficamos até quase às 06:00 da manhã. O melhor filme foi a sessão das 03:30 às 05:30. Acho que se chamava “Lado a lado”. Bom, nem todos assistiram(né, Erika), mas foi muito bom. Cheguei em casa era mais de seis. Mas meus pais nem ligaram tanto. Eles estavam mais preocupados em xingar um bando de gente que ficou a noite inteira tocando Rap alto na porta de casa. Às 07:30 eu fui dormir.

É isso pessoas, abraços,

Ah, hoje tem letra de música. Eu to com ela na cabeça a semana inteira. Acho que me identifico com ela.

Accidentally in Love

Counting Crows

So she said what's the problem baby
What's the problem I don't know
Well maybe I'm in love (love)
Think about it every time
I think about it
Can't stop thinking 'bout it

How much longer will it take to cure this
Just to cure it cause I can't ignore it if it's love (love)
Makes me wanna turn around and face me but I don't know nothing 'bout love

Come on, come on
Turn a little faster
Come on, come on
The world will follow after
Come on, come on
Cause everybody's after love

So I said I'm a snowball running
Running down into the spring that's coming all this love
Melting under blue skies
Belting out sunlight
Shimmering love

Well baby I surrender
To the strawberry ice cream
Never ever end of all this love
Well I didn't mean to do it
But there's no escaping your love

These lines of lightning
Mean we're never alone,
Never alone, no, no

Come on, Come on
Move a little closer
Come on, Come on
I want to hear you whisper
Come on, Come on
Settle down inside my love

Come on, come on
Jump a little higher
Come on, come on
If you feel a little lighter
Come on, come on
We were once
Upon a time in love

We're accidentally in love
Accidentally in love (x7)

Accidentally

I'm In Love, I'm in Love,
I'm in Love, I'm in Love,
I'm in Love, I'm in Love,
Accidentally (X 2)

Come on, come on
Spin a little tighter
Come on, come on
And the world's a little brighter
Come on, come on
Just get yourself inside her

Love ...I'm in love

2 comentários:

Thiago disse...

E aí cara, beleza?

Então, já falei no Orkut mas não custa repetir... basketão na 5a, certo?

Abraço, me liga qualquer coisa. Afinal, todo jogo de basquete tem que ter um mega pivô pegador de rebotes!

Mary disse...

Feliz dia do amigo!!! bjão!!

powered by Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme